Vacina Viral para os Felinos

Felocell CVR®-C

(Vacina contra Calicivirose, Rinotraqueíte, Panleucopenia e Clamidiose dos felinos)

vacina gatos

Vacinas contra os vírus dos gatos

USO VETERINÁRIO

COMPOSIÇÃO:

          Contém amostras atenuadas do vírus da rinotraqueíte felina, calicivírus felino e vírus da panleucopenia felina, Chlamydia psittaci propagados em uma linhagem celular felina estabelecida. Contém gentamicina sendo apresentada sob forma liofilizada, acompanhada de diluente estéril

DESCRIÇÃO DA DOENÇA:

           Rinotraqueíte Viral Felina (FVR), é causada por um herpesvírus, altamente contagioso, sendo responsável por 40–45% das infecções respiratórias felinas. Os primeiros sinais de FVR são espirros, febre, conjuntivite, rinite e salivação.

SINAIS CLÍNICOS:

          Animais infectados ou indiretamente por contato com objetos contaminados.Sinais clínicos de FPL incluem febre, anorexia, vômitos, depressão e fraqueza, diarréia, também pode ocorrer usualmente 2–4 dias após o começo da febre. Características hemato lógicas incluem uma dramática diminuição das células brancas circulantes. Particularmente entre filhotes, FPL pode resultar em alta mortalidade. Gatos que sobrevivem à infecção frequentemente mantém-se debilitados por toda a vida. Filhotes infectados “in utero” ou poucos dias após o nascimento, podem sofrer danos cerebelares clinicamente manifestados por incoordenação, quando começam caminhar.Chlamydia psittaci é um microrganismo intracelular que se multiplica inicialmente nos epitélios oronasal e da conjuntiva. É uma doença caracterizada por uma conjuntivite crônica e rinite moderada. Os sintomas precoces da doença são congestão ocular, aumento de lacrimejamento (ambos são unilaterais inicialmente e evoluem para bilaterais com o agravamento do processo infeccioso). Febre, rinite e espirros são observados comumente. O curso da doença é de 2–6 semanas em gatos adultos, mas a doença raramente é fatal. Uma descarga nasal e ocular inicialmente serosa, que rapidamente se transforma em mucopurulenta, é típica da doença. Como a doença progride, anorexia, depressão e pelos ásperos podem ser observados no curso da mesma. Embora poucos gatos adultos morram por FVR, a taxa de mortalidade entre filhotes afetados pela doença pode chegar a 50–60%.Considera-se que a Calicivirose Felina (FCV) é responsável por outros 40–45% das infestações respiratórias felinas e infecções mistas FCV-FVR não são raras. Calicivírus Felino infecta as membranas da mucosa oral e do trato respiratório e o sintoma característico desta infecção é a formação de úlceras na língua, determinadas pelo calicivírus. Outros sinais clínicos são semelhantes a FVR: anorexia, depressão, febre, salivação e descarga nasal. O calicivírus felino afeta mais severamente gatos jovens ou debilitados, mas a mortalidade total não é alta. A infecção pode potencializar outros agentes (virais ou bacterianos) de pneumonias.Panleucopenia Felina (FPL) está entre as mais difundidas e sérias doenças dos gatos. Altamente contagiosa, a FPL é transmitida por contato direto de animais suscetíveis.

INDICAÇÕES:

          Indicada como auxiliar na prevenção das seguintes doenças, em gatos sadios: Rinotraqueíte, Calicivirose, Panleucopenia e Clamidiose.

                         PROCURE SEMPRE UM MÉDICO VETERINÁRIO